Amo essa canção!

06/04/2010

Já Comeu Barreado? É Uma Delícia!

Nesse feriado, viajei para Curitiba e de tanto uma amiga minha falar no Barreado de Morretes, resolvemos ir até essa pequena cidade para experimentar a iguaria, diretamente do seu lugar de origem. Se bem que essa questão da origem é  um tanto polêmica pois as cidades de Antonina e  Paranaguá também reivindicam o título. Seja lá como for, o fato é que esse é um prato delicioso e não podemos ir ao Paraná e deixar de comer um barreado.
É um prato típico paranaense cujo segredo está no tempo de cozimento da carne  que varia entre 15 e 20 horas em uma panela vedada por uma massa feita com  farinha de mandioca  e água.
Essa maravilha de carne é servida acompanhada de arroz e frutas como banana, laranja e tem o jeito certinho de preparar a comida no prato, de modo que ele fique consistente mas não muito seco. Além do acompanhamento tradicional, eles servem também dois tipos de camarão, peixe frito e salada. Uma verdadeira farra gastronômica.
Como  nunca tínhamos provado, o graçon  fez questão de demonstrar como se prepara e principlamente de testar se o barreado ficou no ponto certo. De que maneira? Virando o prato em cima da nossas cabeças, como podem observar na foto. Se não cair do prato é porque ficou no ponto.
Gente, confesso que fiquei um pouco preocupada pois eu tinha lavado cabeça há poucas horas e já imaginei a minha cara toda suja e aquele caldo sendo absorvido pelo meu cabelo, mas felizmente tudo deu certo.
Ah, eu já estava esquecendo de dizer se gostei. Eu simplesmente adorei e comi tanto que por mais um pouco sairia do restaurante rolando, como uma bola. Kkkkkkkkk
Segue a receita para quem quiser se aventurar na cozinha.

INGREDIENTES
5 k de carne( peito, patinho, colchão mole )
500 g de toucinho fresco,
5 cabeças grandes de cebola,
3 cabeças médias de alho.
 Folhas de louro,1 pitada de cominho em pó,
1 colher de sopa rasa de pimenta do reino,1 pitada de coentro,
pimenta vermelha a gosto
Sal a gosto

MODO DE PREPARO
Na véspera de ser servido, cortar as carnes em pedaços pequenos ( cubos de 4 cm )e o toucinho em pedaços menores (cubos de 2cm )

Coloca-se nas carnes todos os temperos, menos a pimenta vermelha
Coloca-se tudo numa panela de barro, vedando muito bem com a tampa
Usa-se a folha de bananeira sapecada no fogo, antes de colocar a tampa da panela
O fogo é brando e o tempo de cozimento jamais deve ser inferior à 12 horas
O grande segredo é o cozimento lento, por isso o preparo deve ser de véspera
Quando abrir a panela, experimente o sal e acrescente o molho de pimenta vermelha a gosto

*Serve-se com farinha de mandioca acompanhado de banana, laranja e arroz branco

12 comentários:

Eliana Pessoa disse...

JÁ COMI BARREADO E JÁ FIZ TBM ACHO DELICIOSO!!
SEU CABELO ESTÁ LINDO AINDA BEM QUE Ñ MELECOU DE BARREADO!!
BJIM

Françoise disse...

Já comi e é uma maravilha! Meu irmão que mora em São José dos Pinhais me levou a mesma cidadezinha para me divertir com esta delícia. Que saudade....
*Já coloquei o espaço para seguir no blog.
Bjos
Françoise

KINHA disse...

Olá amiga

Tem uma surpresinha para vc lá no blog...

Beijo

Lais disse...

Já estive lá mas não comi porque sou vegetariana. Mas adorei Morretes e Paranaguá.
bjs

Yoyo Pizy disse...

Eliana, como você é uma cozinheira paciente, hein! Acho que não consigo fazer um prato que demora tanto tempo assim, para ficar pronto....Rs
Bjo

Yoyo Pizy disse...

Françoise,
Já estou voltando lá no seu blog pois, quero segui-lo
Bjos

Yoyo Pizy disse...

Kinha,
Adorei os selinhos.Já peguei o meu e posto amanhã
Bjos e obrigada

Yoyo Pizy disse...

Laís,
Eu sempre esqueço que você é vegetariana
Bjos

ONG ALERTA disse...

Nunca e pelo visto deve ser tudo de bom...paz.

Ariadne disse...

Putz, fiquei com vontade de experimentar....
E que delicia passear em outras capitais, acho maravilhoso conhecer as culturas de outros lugares.

Bjks e este cabelão aí arrasou...

Yoyo Pizy disse...

Lisete,
É muito bom mesmo, o barreado.
Bjo

Yoyo Pizy disse...

Ariadne,
Viajar é a coisa que mais gosto de fazer, além de fotografar e ler
Quanto ao barreado, é tudo de bom!A carne fica desfiada e deliciosa
Bjoka