Amo essa canção!

16/05/2010

A Fita Branca - Blogagem Coletiva


Pensando na blogagem coletiva, que para essa última semana a Glorinha propôs a cor branca, lembrei de um filme que assiti há cerca 2 meses, mais ou menos: "A Fita Branca".
É um filme super interessante. A história acontece em um vilarejo alemão, às vésperas da Primeira Grande Guerra, e o autor faz uma clara analogia com o nazismo, mostrando que o holocausto não surgiu do nada, que "pequenos" eventos já prenunciavam o que viria futuramente.
É uma análise sociológica, e  também psicológica, daquelas pessoas que embora vivessem sob rígidos padrões morais e religiosos, estavam com seus valores e sentimentos totalmente corrompidos.
Pode parecer um exagero da minha parte mas, sinceramente, não consegui deixar de traçar um paralelo com os dias atuais, com a sociedade na qual vivemos, onde nem sequer valores éticos parecem existir mais. 
O filme ganhou Palma  de Ouro em Cannes (2009) e duas indicações para o Oscar em 2010. Uma, de melhor filme estrangeiro e a outra, de melhor fotografia.
A fotografia é realmente MA-RA-VI-LHO-SA!
O filme não fala de paz, apesar do nome "A Fita Branca". Muito pelo contrário...Ele fala da guerra, da maldade que habitava no coração daquelas pessoas, incluindo as crianças, que eram muito perversas e sem sentimento.
O autor nos leva a refletir sobre como a sociedade alemã chegou ao nazismo, nos leva a crer que a raíz de tanta maldade já existia antes naquela sociedade;que foram esses jovens e crianças que tempos depois, transformaram-se em nazitas.
Não é um filme bonito (no verdadeiro sentido da palavra).É bem diferente da "Lista da Schindler", que apesar de triste é um filme lindo.
Esse é um filme para pura reflexão, um filme denso, pesado, mas com uma abordagem muito inteligente e realista.



P.S. Amanhã tem mais cor branca na blogagem coletiva!


11 comentários:

Ariadne disse...

Oi querida !!! Eu gosto da cor branca, mas acho tão ingrata... comprei uma bermuda linda, mas a danada só quer ficar no meu corpo algumas horas... eu sento, levanto.. trabalho e a bichinha nao aguenta estas traquinagens.
O jeito é usar depois que as crianças ficarem mais velhas... assim fico mais calminha.
Nao assisti o filme, mas deve ser lindo...


Bjks mil e bom começo de semana !!!

Driks Barreto disse...

Arrazo yoyo!!!que linda a imagem a fotografia deste filme deve ser incrivel!!!Bjs e ótimo domingo...quer dizer fim de domingo!rs Bjs

Beth/Lilás disse...

Oi, Yoyo!
Eu ainda não vi este filme, mas realmente parece muito interessante e se fala da paz que é a principal referência ao branco, deve ser muito bonito.
beijos cariocas

Glorinha L de Lion disse...

Pois é Yoyo, já fiz um post sobre esse filme, antes de ele ser lançado aqui no Brasil...esse filme trata do mal que já existia antes da I Guerra...era o "ovo da serpente" sendo chocado...mas ainda não vi...acredito que seja um filme bem pesado mesmo...li tudo sobre ele e seu diretor...achei interessantíssimo pois me interesso muito por essa temática...bjs.

Yoyo Pizy disse...

Meninas,
Lamento informá-las mas esse não é um filme lindo.É um filme para muita reflexão, um filme que nos faz pensar bastante, mas é um filme pesado e não bonito.

Françoise disse...

Oi minha querida, preciso estar de boa para assistir um filme assim mas valeu pela dica, está na minha lista!
Bjos

Tati Pastorello disse...

Yoyo, outro dia falei sobre a lista de Schindler e comparei com algumas situações que vivemos por aqui, muitos não entenderam, acharam exagero, mas tenho certeza que algo assim não pode começar do nada, tem que ser germinado... A mente tem que ser muito corrompida para se chegar a extremos como o que aconteceu. Quero ver o filme sim. Precisamos repensar valores para instruir nossos filhos, a melhor "arma" que temos para mudar o mundo.
Beijos.

Elaine disse...

Oi minha querida, sua postagem de hoje para mim é complicada, pois nunca pude ver nada sobre nazismo, não sei se vc acredita, mas já fiz regressão e eu fui uma judia na época do holocausto e tudo isso mexe muito comigo, mas adoro vir aqui ver suas postagens! Beijos enormes e uma linda semana!

Suzanna disse...

Prabéns querida, chiquérrimo seu post!
Bjokas
Su

Manuela Freitas disse...

Yoyo, vi este filme extraordinário e saí zonza, durante um tempo nem consegui falar! É um filme denso e pesado, mas importante de se ver, para nos acordar da alienação em que muitas vezes vivemos!
Muito lógica essa tua associação, com os tempos que se vivem!
Beijinhos,
Manú

Teresinha Ferreira disse...

Olá Yoyo,
Fiquei curiosa para ver esse filme. Acho que dever ser muito interessante.
Belo post.
Fique bem.
Bjs mil