Amo essa canção!

29/08/2010

Perdi Um Amigo... Estou Muito Triste

Esse fim de semana foi de muita tristeza, para todos aqui de casa. Perdemos, para sempre, um amigo querido, que chegou em nossas vidas quando  ainda era  bebê (aos 3 meses) e por muito tempo, nos deu grandes alegrias.
Dulan, era o nome desse nosso amigo peludinho. Era da raça Lhasa Apso, um "tiquinho" que já adulto pesava apenas 5 quilos, mas o que lhe faltava em tamanho, sobrava em vivacidade, inteligência e companheirismo.
Ele foi um presente que dei ao meu marido. Nunca vou esquecer o dia que fui ao canil com a minha filha, para escolher o filhote; eles eram muitos e todos eram lindos, mas eu não tive nenhuma dificuldade na escolha porque na verdade, foi ele quem nos escolheu. Escapou correndo da dona do canil e se aconchegou em nossos pés, daí, quando o pegamos no colo ele simplesmente olhou para mim como se pedisse: "me leve com você". Foi paixão à primeira vista.
Quando  marido chegou em casa, entreguei-lhe uma cestinha com aquela coisinha minúscula e fofinha dentro. Marido  colocou o bichinho na palma da mão e ele cabia direitinho naquele espaço. Começava ali uma linda  história de amor que só acabou agora, doze anos e quatro meses depois daquele fim de tarde, em abril de 1998.
É impressionante o laço de amor que une o homem e os animais de estimação. Só mesmo quem tem um bichinho assim consegue entender  o tamanho desse sentimento.
Ontem choramos demais, hoje choramos também ao fazermos uma retrospectiva dos momentos de alegria que o Dulan nos proporcionou. Ele ficará para sempre guardado em nossas memórias e sua lembrança será eterna em nossos corações.

34 comentários:

Beth/Lilás disse...

Ai, Yoyo, isso é horrível!
Faço idéia como vocês estão tristes, pois a minha Emmy foi embora no final do ano passado e até hoje quando vejo uma foto dela, fico emocionada.
São seres maravilhosos, vêem ao mundo com este propósito, dar amor, por isso não devemos nunca esquecê-los, sempre uma lembrança carinhosa.
Deus console seus corações!
beijos cariocas

Anne disse...

Poxa... Fiquei triste também, porque eu conheço essa dor. Tive um gato lindo durante muito tempo, ele morreu em meus braços, dentro da clínica veterinária. Ele lutou até o último minuto, mas não conseguiu. Sofri muito. Agora tenho uma cadela, há quase seis anos, a Lolita. Amo demais, é minha companheira sempre. Flor, lamento muito, sei que é difícil mesmo... Mas o importante agora é lembrar os muitos momentos bons. Um beijo, e força!

Crica Viegas disse...

Eu tive um viralata, Bob, que que era meu companheiro e filho canino.
Um dia ele despareceu. Depois de uma ano meu irmão me contou que ele morreu atropleado em frente de casa e eles se encarregaram de enterrá-lo e não me disseram nada pra eu não sofrer...mas fiquei um ano todo fim de tarde esperando ele voltar...eles , c om a melhor das intenções, não conseguiram me livrar daquele sofrimento atroz...
Sei o que vc está sentindo. Chore sim, porque só assim alvia um pouco a dor.
Bjs

*~* Coisas da Bruxinha *~* disse...

YoYo, imagino a dor que vc está sentindo sim, pq só de pensar em perder a peposa já fico com um grande nó na garganta, a gente se aproxima tanto desses animaizinhos que els deixam de ser apenas um animal de estimação, viram pessoas da familia, no quesito carinho, ou mais, pq os animais são verdadeiros amigos em todas as horas da nossa vida. Sei que nada do que eu disser vai amenizar tua dor, mas procure pensar que vc tb o fez feliz quando o trouxe para sua familia, lhe deu carinho e amor, que ele foi feliz com vcs.
No mais, a gente tem que sentir a dor mesmo, não tem como, ao menos até que ela se torne mais branda .
Um grande beijo pra vc com todo meu carinho nesse momento dificil. Bjs Leila

Glorinha L de Lion disse...

Ai Yoyo, Tô chorando muito lendo isso! Imagino a tristeza que devem estar sentindo aí! Eu nem sei como vou suportar o dia em que um dos meus três amigos e companheiros fiéis me deixarem...nem gosto de imaginar isso! Já perdi vários cães, já senti muito, mas os meus três de agora andam atrás de mim o dia todo e como quase não saio de casa, não nos largamos o tempo todo. Sei que assim é a vida, mas acho que nossos bichos são os que mais nos amam nesse mundo. Receba meu beijo e meu carinho, estou triste com vc amiga!

Driks Barreto disse...

Puxa vida que pena!!!Sinto muito...Bjs

Nilce disse...

Sinto muito Yoyo.

Fico triste por vcs porque também perdi vários animais amigos, companheiros, como só eles sabem ser. Fica a saudade e lembrança dos momentos felizes que eles nos proporcionaram.

Bjs no coração!

Nilce

Françoise disse...

Que triste, realmente só quem tem um bichinho desses sabe o valor que possui aqui dentro de nós.
Fique bem,

Abraço apertado.

Chica disse...

Te entendo perfeitamente.Isso dói mesmo muito.Que chegue logo as doceslembranças dele e fiquem essas em vocês...beijos,tudo de bom,chica

Bordados e Retalhos disse...

Yoyo que notícia triste. Tenho um poodle na mesma idade que está conosco desde que tinha 40 dias. Imagino a tristeza da família. Bjs

solange oliveira disse...

AI, AI QUERIDA!!!!
FALAR O Q NESSAS HRS. É UM VAZIO TÃO GDE NEH? A CASA FICA VAZIA É MTO TRISTE... ME DÁ ATÉ UM FRIO NA BARRIGA EM TER Q PASSAR POR ISSO; E TEREI Q PASSAR 4 X (TENHO 4), MAS É BOM NÃO PENSAR E VIVER DA MELHOR MANEIRA POSSIVEL JUNTO DELES. UM BEIJO GDE E FIQUEM EM PAZ.
SOL

Eliane disse...

Snf,snf é serio tá, Eu tive pequeno amigo que quando partiu deixou uma tristeza tambem, então sei a dor que vcs sentem hoje. Um abraço bem apertado minha amiga.

Maitê disse...

Nossa querida, eu não sei nem o que dizer ... Certamente estaria tão arrasada quanto você.
Espero que Deus console seu coração.

Beijinhos

Deia disse...

Yoyo, entendo sua tristeza, é incrível como esses seres fazem parte da nossa história e para sempre lembraremos de episódios que começarão com "lembra quando o fulaninho ...?". São marcas físicas e na alma... Um beijo com muito carinho, Deia.

ELIANA-Coisas Boas da Vida disse...

OI AMIGA QUE TRISTEZA ELES SE TORNAM DA FAMÍLIA É MUITO TRISTE QUANDO PARTEM DEIXANDO SOMENTE LEMBRANÇAS MARAVILHOSAS!
FICA BEM BEIJO!

Mauro S disse...

Oi Yoyo, sinto pela perda de vocês, um cachorrinho assim anima o ambiente e faz a todos felizes, mas ele será eternamente lembrança viva na memória de todos.
Beijos, Mauro

www.comtextosdavida.com disse...

Oi Yolanda!
Sinto muito, vc sabe o quanto amo os animais.

bjs Laís

Isadora disse...

Yoyo te deixo um beijo apenas, pois a trsiteza deve estar enorme. Doze anos juntos e agora, a separação forçada.
Que vocês possam guardar apenas as mais lindas recoerdações.
Um beijo

Vivi disse...

Me emocionei com seu post....
aqui tb gostamos de cachorros...temos 4!!! e cada um é único e especial...como o Dulan!!!
ainda bem que ele escolheu vcs!!! e teve uma vidinha de muito amor!!!
bjs

Indira disse...

Mamy's...apesar de nao conviver tanto tempo com ele quanto voces eu tbm senti muito a perda dele...
Lembro de quando ia passear com ele e as pessoas me paravam para dizer o quanto ele era lindoo e que ele era a cara do "cachorrinho do IG"..
Saudades Dulan..
Beijos mae..fica bem !!

Mônica - Sacerdotisa da Deusa disse...

Olá minha flor linda...
Sinto muito querida, isso realmente é muito dolorido.
Tive dois amores, um da minha irmã que partiu c/ 16 anos, e um meu que se foi com 15 anos. Ai que tristeza!
O meu era o Floquinho, um poodle médio muito inteligente e fofo, faz dois anos e meio que ele virou um anjinho de quatro patas, fiquei arrasada, não queria ter mais bichinho nenhum só p/ não passar por isto de novo! Mas adivinha?! Na 6ª feira chega o meu mais novo fofinho, o Eros, um poodle toy que ganhei do meu namorado. No começo recusei e disse que não estava preparada, mas agora não pude mais resistir, qdo a gente tem uma vez, ah...não sabe ficar sem! É claro que não são substituíveis, mas pode ser uma boa pegar logo mais um filhinho peludo para cuidar, vai te distrair e te deixar menos tristinha.
Beijinhos Yoyo, fique bem.

Flores e Luz.

Suzanna disse...

Ola Yoyo
Choro com vc viu.
São nossos filhinhos de pelo,e são "personagens inesquecíveis" em nossa vida!
Veem mais para ensinar que aprender.
Um amor que eu não consigo explicar, mas que certamente um dia entenderemos!!!
Paz amiga.
Bjos

Anne disse...

Passando aqui pra agradecer o carinho e a força... Eu tô acreditando sim que tudo vai ficar bem com o meu noivo. Confiando sempre em Deus. Ele é uma pessoa maravilhosa e vai sair dessa logo, logo. Continue orando por ele e por nós, tá? Bjos com carinho

Carla Regina disse...

Oi!
Vim parar aqui por acaso,mas quero te dizer que peço a Deus que dê a vc e sua familia a força necessária para suportar essa enorme dor.Amo os animais,mais que tudo nessa vida,tenho 8 filhos de 4 patas,que são tudo pra mim,sei o tamanho da sua dor,e sei que ele vai estar sempre nos corações de vcs,que será lembrado sempre com muito carinho...ele cumpriu a missão dele,trouxe muitas alegrias e ensinou muito tb.
Deus esteja com vcs,beijos!

Liliane de Paula disse...

O pior Yoyo é que é uma dor que não tem remédio. Digo, todos os dias, às minhas gatas e cadela que amoooooooo-as demais.

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Lamento :(

manuel marques disse...

Que pena minha querida,continuo viajando ,Passei para deixar beijinhos meus.

Danny disse...

Sinto mt amiga.
Vão ficar as recordações e os momentos de mt alegria q ele te deu.
Parece cachorrinho de pelucia de tão lindo que ele era.
Acredito que ele foi mt feliz enquanto esteve com vcs durante todo esse tempo.

Desejo uma ótima semana.beijocas

Elaine disse...

Minha querida YoYo, só agora vi seu post, me perdoe.
Sei muito bem que dor é essa, sempre tive esses nenens, e um dia todos vamos, de alguma maneira, embora e nos encontrarmos tb.
Só posso te dar muiiiiiiiiiiiiiiitos beijos, pois o mimo é a única coisa que queremos nesse momento.
Outros nenens virão e o nosso amor sempre se renova!
Tô aqui sempre, beijos!! Luz!!

Manuela Freitas disse...

Querida Yoyo,
Como eu te compreendo, eu já passei por essa dor, aliás cá em casa tudo chorava. Os animais também fazem parte do nosso núcleo familiar mais próximo. Disse que nunca mais queria cães, mas depois acabou por vir um gato e eu pensei que não me ligaria tanto a ele! Qual quê, ele anda sempre atrás de mim e eu atrás dele.
Muitos beijinhos,
Manú

Clau Finotti disse...

Oi Yoyo!
Lamento pela perda do seu amiguinho!

Eu nunca tive animal de estimação, mas todas as pessoas que conheço e quem possuem algum, nutrem essa relação de cumplicidade e amizade por eles. Espero que superem da melhor forma possível.

Grande beijo.

Clau

Tati Pastorello disse...

Puxa Yoyo, estou atrasada em minhas visitas. Só agora li a história de seu Dulan. Receba meu abraço consolador, sei que nestas horas não há palavras que amenizem a dor.
Ele é lindo! Olhar doce.
Vai demorar, o tempo ameniza...
Beijos, fiquem bem!

Lúcia Soares disse...

Yoyo, agora ando sempre atrasada em meus comentários, vi sua chamada, imaginei isso, mas não deu mesmo pra vir ler. Hoje o faço e espero que estejam melhor. Imagino a Indira, morando longe, como deve estar triste. E o netinho também, que já chegou em suas vidas com o amiguinho em casa.
Criar animais é isso, uma dor forte demais quando os perdemos.
Fica bem e recorde os bons momentos com ele.
Vai ser difícil deixar de ouvir os passinhos dele pela casa, as resmungadas, até a baguncinha.
Mas tudo se acalma com o tempo.
Beijo, querida.

Tida disse...

Yoyo,
Faz tempo que não venho aqui. Mas hoje vim e vejo que vxocê está muito triste pela perda do seu bichinho. Imagino a sua dor, eu também já tive um e agora não quero ter mais para não perder novamete.
Só posso dizer, é a vida!
bjs e aproveite bastante.